Diálogos

Esta página foi escrita pelo  Rabino Chefe – Rav  Blumenfeld Shlita
Rabinato do Rio de Janeiro

Que nos deu a permissão de colocá-la no nosso website por meio da sua secretária Baylla I. Stern

Agradecemos ao Rav Blumenfeld Shlita pelo lindo trabalho.

Prezado Sr. Moshe Shey’
Queremos lhe informar, o que já é conhecido, que o Rav Blumenfeld Shlita, que Supervisiona o KASHRUTH, na fábrica de sucos, Maguary e Dafruta e outros,  já declarou várias vezes, que Somente É KOSHER quando tem o SELO KOSHER do RABINADO do RIO de JANEIRO NOS RÓTULOS, Quando NÃO TEM O SELO KOSHER do RABINADO do RIO de JANEIRO NO RÓTULO, É POR CAUSA QUE, NO PROCESSO DA PRODUÇÃO, TEM INGREDIENTES DE ANIMAL OU DE UVA.!!!
Por esta RAZÃO, Qualquer Produto Industrializado, Deve Ter o SELO KOSHER NO RÓTULO.!!!
Exemplos = Na produção de cerveja e vinho, usam o produto, que se chama CLARIFICADOR, que normalmente É de Origem Animal, o Rav NOIDO BEYEHUDO PERMITE, MAS, se TEM como Adquirir, a Bebida, que usa de Origem Vegetal ou Mineral, É Preferivel;  Outro Exemplo = Na produção de Açucar e de Sal, Usam Ingredientes, que Mistura com Fermento, que Para PESSACH, Causa Problema.!!!
As Fábricas Não Sempre Precisam Mencionar Nos Rótulos, estas informações, que não é exigido.!!!
A Lista de LENIÊNCIA, Provoca e Induz, a Estes ERROS, como Já Percebemos, infelizmente.!!!
Quando o KOSHER Foi Realizado, infelizmente, através de HASSAGAT GVUL,, o Kashruth , e em outra Atividade,é questionado e duvidoso.!!!
Shabat Shalom e Chag Sameach e MOSHIACH JÁ.!!!
Rabinado do Rio de Janeiro
Yocheved Liberman
secretária

Assunto: Dialogo entre dois judeus = K.M e Y.T. = Nº 26
Shalom Uvrachah!!!

Y.T. = Olá, como vai??? Estamos aqui outra vez, prosseguindo nossa conversa e dialogo.!!!
K.M. = Pois é!!! Estou muito feliz e satisfeito, que você e seus amigos, estão ávidos em absorver os conteúdo da Torah escrita e oral.!!!
Y.T. = A pedido do grupo, queremos enfatizar, essas pessoas, que procuram meios de Leniência, para viabilizar EIRUV numa Cidade Grande, que não tem as condições necessária, em atender as Leis Judaicas,também referente, em ter ” Elevador de Shabat “, estas pessoas, na realidade, provocam, infelizmente, a Profanação da KEDUSHAH (Santidade ) do Shabat e do Judaísmo, chas veshalom.!!!
K.M. = Porque vocês chegaram à esta  dedução e conclusão.???
Y.T. = Deduzimos e concluímos, que estas pessoas, se empenham em aplicar ” maneiras de  leniência ” em vários assuntos de Judaísmo, como no EIRUV,  e em ter ” Elevador de Shabat, sabendo a impossibilidade e impraticável de implantar o EIRUV numa cidade grande,  e o mesmo, em edificar ELEVADOR DE SHABAT, conforme a orientação do Rav Moishe Feinstein e outras Autoridades Rabínicas,
Mas, estas mesmas pessoas, se empenham muito pouco, e sem muito esfôrço, em implantar o estudo da Torah, escrita e oral, com afinco e em ter âmbito autentico de Torah e Mitzvoth.!!!
K.M. = Vocês perceberam, por que, estas pessoas , tendem em ter ” maneiras de leniência.???
Y.T. = Percebemos, Sim.!!!
K.M. = Esclarece, Por favor.!!!
Y.T = A leniência referente ao EIRUV e ao ELEVADOR de SHABAT, Enxergamos e Percebemos, que é uma atitude sutil, de Indisciplinado e conflito interno na pessoa, de hesitação indeciso, em enraizar  com convicção inabalável o Judaísmo Autentico.!!!
K.M. = Mas tem na Lei Judaica, que as vezes aceitam.!!!
Y.T. = Nos vários conceitos da Torah, que você transmitiu, nos diálogos, aprendemos, que a Torah e a Lei Judaica, permiti leniência em certas situações drásticas e extremos, Mas, referente ao EIRUV e ELEVADOR de Shabat, Não Tem Situações Drásticas nem situações Extremos.!!!
K.M. = Estou Feliz, vendo que vocês progrediram muito, e dão Feedback.!!!
Y.T. = Tem algum assunto, quer focalizar.???
K.M. = Tenho sim.!!! é um assunto, que a maioria das pessoas não percebem e não observam.!!!
Y.T. = Qual é o conteúdo???
K.M. = No Chumash Bamidbar, Parashat Matos, ( Livro de Moises, Numero cap. 30:03); no início, diz ” LO YAHEL DEVOROI “; Em não profanar e vulgarizar  tua palavra,
Y.T = Clarifica mais este assunto e conceito, que me despertou minha curiosidade.!!!
K.M. = No ambiente que nós vivemos, num ambiente de materialismo e grosseirismo, acham, que a fala e palavra, não estimula nenhuma responsabilidade ou seriedade, a sociedade de materialismo e grosseirismo, consideram as palavras e as falas, são insignificante, sem nenhum efeito.!!!
Y.T. = Tem razão, no ambiente mundana e grosseirismo, que vivemos, imaginam, que a fala e as palavras, não estimulam nenhuma seriedade  e responsabilidade, mas, continua como a Torah analisa o peso da ” fala e palavra “.!!!
K.M. = A Torah expressa de várias maneiras e de várias assuntos e conceito, o peso da ” fala e a palavra “; Mas vamos começar referente ao assunto, que focalizou, o Talmud esclarece.!!!
K.M. = É um assunto não agradável, .!!!
Y.T. = Qual é este assunto??? E porque não é agradável???
K.M. = No Chumash Devarim ( Deuteronômio – Cap. 22:13-21) [ bli neder, durante o dialogo dissecarei o conceito, que contem nestes versículos, conforme é esclarecido no Talmud .!!!
K.M. = No versículo diz o seguinte: ” O judeu esposou a judia, após a noite de nupcia, odiou-a, e na audiência, perante ao Beith-Din (Corte Rabínica ), difamou-a, dizendo, que ela não é virgem; após a investigação, nos fatos, o Beith-Din,certificou os fatos reais, que por ódio e de má-fé, difamou a esposa, por tanto, o esposo deve pagar uma multa de 100 pratas, e é forçado a viver com ela, a esposa; e se foi certificado, que teve caso com outro homem, ato de infiel, por esta razão, ela não é virgem, ela recebe a pena capital “
Y.T. = Estou curioso, porque escolheu assunto, que é muito sensível???
K.M. = Neste assunto, que é muito sensível, que a Torah e o Talmud, destacam, a força da “fala “.!!!
Y.T. = Então, disseca este assunto.!!!
K.M. = Tem uma axioma, que diz o seguinte: ” A pessoa, não se esforça o banquete, e logo em seguida, prejudica o banquete. “.!!!
Y.T. = Este axioma, o que tem haver, com o nosso assunto???
K.M. = O seguinte: Noivo, que fez todo esforço , para se casar, em curto prazo vai ao Beith-Din (Corte Rabínica ), reclama, que a esposa, com quem casou, teve relação sexual com outro homem, antes da Chupah, por tanto, por ser infiel, consequentemente proibindo em viver com a noiva’.!!!
K.M. = E o Beith-Din começa a investigar, esclarecendo, que é uma acusação falsa e difamação, que é consequência de sentimento e de atitude,de má-fé, de ódio-gratuito, de prepotente, de abuso e de estrupo.!!!
Y.T = Então, deduzo do teu esclarecimento, que a ” FALA ” , é uma FORÇA muito poderosa, para o bem e também para o mal,, e as vezes, mais do que uma ação física.!!! 
K.M. = Acertou em  cheio.!!!
K.M. = Te vejo, bli neder, no próximo encontro, e tenha sucesso com muita saúde, e MOSHIACH JÁ.!!!
Dê apoio e suporte ao Rabinado do Rio de Janeiro
Rabinado do Rio de Janeiro
Rav Blumenfeld
Assunto: Dialogo entre dois judeus = K.M e Y.T. = Nº 25
Shalom Uvrachah!!!

Y.T. = Aqui estamos, mais uma vez, dialogando sobrepensar, acerca de, ponderar e meditar, o que é Judaísmo autentico.!!!
Y.T. = Nosso grupo estão ansioso e impaciente, aprofundar e ter mais detalhes, nos assuntos, que mencionou na ultima vez, que nós se encontramos.!!!
K.M. = É um grande Feedback, que vocês estão impaciente, em continuar nossa conversa.!!!
Y.T. = Você deu muita informação, referente ao RIBIT, KEDUSHAH, LIVRE ARBÍTRIO e CIVILIZADOS e PAZ, que, bli neder, queremos entrar em detalhes, em cada tema, separadamente.!!!
K.M. = Fique a vontade.!!!
Y.T. = Primeiramente, como já mencionei, que o nosso grupo, começou trazer na pratica, o estudo da Torah, e cumprir no dia dia o seu conteúdo; então, começamos a estudar diariamente o Tanya Kadishah e prestar atenção nas palavras das Tefiloth e Berachot.!!!
K.M. = Que bom.!!! Perceberam algum resultado e efeito???
Y.T. = Enxergamos e percebemos, o efeito e a conseqüência, de encorajar e fortalecer o compromisso, de cada judeu/judia, em ter a vida judaica baseado na Torah e Mitzvoth e revelar a KEDUSHAH na própria pessoa e no mundo.!!!
Y.T. = Também, evidencia e revela, que faz sentido, em ter uma vida normal, de estudar uma profissão, de casar e ter a esposa e filhos e construir uma família, sabendo que o objetivo mira em cumprir a Vontade do CRIADOR, revelando a KEDUSHAH; e intensificar um ambiente de ser civilizado e com paz.!!!
K.M. = Tem mais detalhes,para dizer???
Y.T. = Sim!!! Evidenciamos e verificamos o incontestável, que a vaidade e o amor-próprio, atrapalha confundi perturba e desorienta, em reconhecer e admitir a realidade, que somente, em ter uma vida baseada na Torah, escrita e oral, tem um propósito de de viver e de viver com alegria e satisfação íntima, e em ter um rumo na vida.!!!
Y.T. = E mais uma coisa; a  vaidade e o amor-próprio enfraquece e debilita, o compromisso, que cada judeu/judia, tem com o Judaísmo e com o estudo da Torah e com o cumprimento das 613 Mitzvoth
K. M. = Estão vendo, que a base dos problemas, e a base do impedimento em ter um mundo e uma Sociedade  Civilizado e de Paz, são a vaidade e o amor-próprio, e o único Antidoto é o estudo da Torah, escrita e oral e o cumprimento das Mitzvoth, integralmente e sério.!!!
K.M. = Agora, me diz, o que vocês enxergaram referente ao RIBIT???
Y.T. = Referente ao RIBIT, enxergamos e evidenciamos,o conceito e que é civilizado e bom senso, e o que é anti-civilizado e anti-bom senso.!!!
K.M. = Estou curioso, em saber, o que vocês enxergaram e evidenciaram.!!!
Y.T. = Observarmos  e evidenciamos, que a Torah diz, que deve sim lucrar, mas, não com juros, que é sem esforço, mas sim, somente com esforço, e não através de abusar enganar e aproveitar e obter benefício do outro, com segunda intenção; e o mesmo é na troca de favores de trabalho, e o mesmo, é nos atitudes de solidariedade  e em doar tzedacah, que atitude e conduta de solidariedade, e também a atitude de doar Tzedacah, deve ser feito, sem ter segunda intenção nem retorno nem benefício nem proveito.!!!
K.M. = Tem mais um detalhe, que não perceberam e que não enxergaram.!!!
Y.T. = O que é???
K.M. = Em admitir e consentir, e estar ciente, que a sobrevivência do ser humano, de cada judeu/judia, depende do CRIADOR.!!!
Y.T. = Pode clarear mais este conceito.!!!
K.M. = É inato e natural e inerente, o desejo  e o anseio e a vontade e a aspiração, e o esforço e avigorar, em sobreviver, em qualquer situação, no presente e no futuro.!!!
K.M. = Então, quando admiti e estar ciente, que a sobrevivência depende do CRIADOR, ele/ela, a pessoa, vai ter uma atitude e conduta, de agradar ao CRIADOR, que é, de estudar a Torah, escrita e oral, diariamente, com afinco, e cumprir as 613 Mitzvoth, terá prazer, em ser civilizado e promover paz, terá alegria em ser solidário e doar Tzedacah, a não se preocupará em ter retorno ou algum benefício, e não sentirá vergonha ou medo, em ser honesto integro sério, e em ter conduta de civilizado e de bom senso e de paz.!!!
K.M. = Mas quando, chas veshalom, não que admitir a realidade, que a sobrevivência depende do CRIADOR, a conduta e as atitudes dele/dela, serão anti-civilizado e anti-paz, será muito agressivo e provocar intrigas, terá ódio em ter atitude de espontaneamente de solidariedade e doar Tzedacah, terá vergonha de ser honesto integro e sério, se na´receber retorno e benefício, procurará vingança, e considero o outro como escravo, por tanto se permite em abusar e aproveitar do outro.!!!
Y.T = Nunca Focalizei, desta maneira de visionar, este conceito, de estar ciente e conceber, que a sobrevivência e sua atitude e conduta, depende, como a pessoa reconhece, o controle do CRIADOR no dia dia e no mundo.!!!
K.M. = Quando concebe a realidade e de fato, a via dupla: ” faz o Vontade do CRIADOR, então, o CRIADOR Fará o que você quer e o que você precisa”; e a pessoa terá mais calma e sossego;   Mas, se infelizmente, não conceber esta realidade e de fato, que a sobrevivência depende do CRIADOR e esta “via dupla”, ficará sempre em panico angustia, sem calma e sem sossego.!!!
K.M. = Este conceito, e o conteúdo e conceito e a jurisprudência, de cumprir a Mitzvah de cuidar o SHABAT devidamente como esta escrito na Torah, escrita e oral e nas Leis Judaicas.!!!
Y.T. = Tem razão, quando o judeu/judia cumpre a Mitzvah de cuidar e obedecer o SHABAT, devidamente, como é prescrito, nas Leis Judaicas, concebe a realidade e a certeza, com firmeza e sólido e fixo, que a sobrevivência depende exclusivamente do CRIADOR;  Mas, se não cumpre devidamente a Mitzvah de SHABAT, abala e enfraquece e hesita, em conceber, a realidade e de fato, que a sobrevivência depende do CRIADOR.!!!
Y.T. = E para cumprir devidamente a Mitzvah de SHABAT, precisa regularmente, e repetir regulamente, em estudar as Leis Judaicas do SHABAT, por causa que, tem inúmeros detalhes.!!!
K.M. = Tem toda razão, mas, quero enfatizar um assunto, muito importante e fundamental, e que foram enganados.!!!
Y.T. = Qual é, o assunto de tanta importância.!!!
K.M. = É o seguinte: Todos sabem, que em Shabat e o dia de Yom Kipur,é proibido de carregar na rua. e também é proibido de levar alguma coisa de um lugar privativo para a rua e vise-versa.!!!
Y. T. = Porque você esta mencionando este assunto???; também sei, que tem a possibilidade de aplicar as Leis de Eiruv, para poder carregar na rua, e levar de um lugar privativo para a rua e vise-versa.!!!
K. M. = É de fato que tem as Leis de Eiruv, mas você precisa conhecer os detalhes, Nas Leis de Eiruv, que são os seguintes, em resumo: Os ambientes são divididos em quatro, mas, mencionarei, no momento somente os três.!!!
Y.T. = Quais são???
K.M. = São: RESHUT HARABIM ( lugar pública ao céu aberto) RESUT HAYAHID ( lugar privativo que tem cerca ou parede ou muro) e CARMELIT que não é Reshut Harabim mas também não é Reshut Hayahid.!!!
Y.T. = Estou ouvindo com atenção.!!!
K.M. = Quando é Carmelit, tem como aplicar as Leis de EIRUV; mas no Reshut Harabim, se aplica as Leis de Eiruv somente com as seguintes condições: Que a cidade tenha menos de seiscentos mil habitantes, e que as ruas sejam  menos de oito metros de largura, e que Não Seja Uma Via Principal, e que tenha muros e portões que fecham todas as noites. !!!
Y.T. = Então, de acordo com as Leis de Eiruv, é IMPOSSÍVEL de APLICAR as Leis de Eiruv nas Cidades Grandes e METRÓPOLES, como a Cidade do Rio de Janeiro, ou somente a Região de Copacabana, que tem mais de um milhão de moradores, e obviamente a Cerca dos Morros e do Oceano Atlântico, nã judam e nem resolvem nada.!!!
K.M. = Estou orgulhoso de você, que entendeu muito bem; e, por estas razões, que o Rav Moishe Feinstein e outras Autoridades Rabbínicas, Não aceitaram, de jeito nenhum, em Aplicar as Leis de Eiruv, nas Metrópoles e Cidades Grandes.!!!
K.M. = Tenha sucesso, e lembra, o Judaísmo tem continuidade, somente quando  Estudaam a Torah, escrita e oral, e praticam as Mitzvoth no dia dia. e Moshiah Já.!!!
Rabinado do Rio de Janeiro
Rav Blumenfeld
Dialogo entre dois judeus = K.M. e Y.T. = Nº 24
Shalom Uvrahah!!!

Y.T. = No grupo dos meus amigos, discutimos com intensidade, referente ao assunto que conversamos no ultimo encontro, cada judeu/judia tem e aceitaram, de boa vontade, o compromisso, de trazer e revelar a KEDUSHAH ( A SANTIDADE DIVINA) através de estudar a Torah escrita e oral e cumprir as 613 Mitzvoth, que este conceito, traz a nós um grande alívio.!!!
K.M. = Me faz feliz e prazeroso, que provocou em vocês um grande alívio; mas, estou curioso de saber, que tipo de alívio que vocês tiveram???
Y.T. = Os meus amigos, que participam nos debates, alguns tem problemas com drogas, com bebida alcoólicas, e também alguns, como os psiquiátricos denominam, com nomes de esquizofrenia bipolar asperge maniaco-depressivo e se fecha e faz maneirismo.!!!
K.M. = O que tem haver estes problemas infelizes, tem haver com o que conversamos, de Relevar a KEDUSHAH neste mundo físico e na vida mundana.???
Y.T. = Tem sim haver e como, estes amigos, relatam que, a personalidade continua o mesmo, e a consciência continua a ter liberdade total,a mentalidade e os sentimentos continuam o mesmo, estes remédios não curam nada, provoca somente dependências e vícios para estes remédios e medicamentos, provocam o efeito de camisa-de-força,que provocam confusão e conflitos íntimo e interno, e angustia muito profundo, e uma irritação e raiva muito profundo, contra as pessoas envolvido nisto, e não conseguem se manifestar e expor, por duas razões: 1) Por causa dos remédios e medicamentos, que provoca camisa-de-força; 2)que o médico e os pais e a sociedade não vão dar ouvidos, por serem considerados “loucos e malucos”.!!!
Y.T. = É não querem saber, e não querem reconhecer, qual é a origem e a razão que provoca, o que a sociedade consideram de ” malucos e loucas “, que é uma conseqüência  de bullying, trauma, ou é resultado do ambiente que nasceu e cresceu e respirou ou é resultado de querer seguir de acordo com a sua personalidade, e de saber porque foi criado e qual é o rumo e objetivo de viver, que o ambiente e a sociedade mundana, não querem explicar e esclarecer, mais ainda, não querem nem saber e nem querem refletir.!!!

K.M = É muito interessante e muito útil, o que você relata. que dá uma introspectiva e dopler e uma mapa, o que passa nestas pessoas, para poder analisar os devidos meios, em ajudar les a humanidade em geral, e aplicar as soluções que a Torah orienta, então, continua em relatar.!!!
Y. T. = É um grande feedback que você dá, dando ânimo em continuar o relato. Na discussão, percebemos, quando se estuda a Torah e  cumprimos e praticamos as Mitzvoth, com o objetivo de revelar a KEDUSHAH neste mundo mundano, a atitude e a conduta é de bom índole e integro e espontâneo e sincero, sem malicia, sem hipocrisia, sem bajulação e sem especulação e sem abuso, que provoca também uma vida e sociedade de civilizado e de paz e de solidariedade e de união. Mas, na vida e na sociedade mundana, sem a Torah e as Mitzvoth,a atitude e a conduta, é de grosseirismo e de impulso, para atender o seu ego e ambição pessoal, com muita malicia, hipocrisia, bajulação, especulação e abuso e muito superficial e conteúdo zero, que provoca intolerância, brigas, intrigas e guerras e uma sociedade de anti- civilização e anti-paz.!!!
Y.T. = Agora, quero ouvir, qual a solução que a Torah dá???
K.M. = Na realidade, toda a Torah, escrita e oral, e os 613 Mitzvoth, é para orientar, em revelar a KEDUSHAH do CRIADOR, e ter uma vida mundana e uma sociedade e ambiente civilizada e de paz, mais precisamente é resumido no Masechte (Tratado) Derech Eretz (civilizado) e no Rambam (Maimônides) Livro da Sabedoria Leis de Conduta Civilizado, e no Tanya Kadishah.!!!
Y.T. = Puxa vida!!! Nunca imaginei, que a Torah, dedica exclusivamente um espaço, para orientar, como ser civilizado e de paz; estou muito interessado em ouvir esta orientação.!!!
K.M. = Claro que a Torah norteia e encaminha e orienta a ser civilizado e de paz; que o conceito e a noção de ser civilizado e de paz, também faz parte de revelar a KEDUSHAH do CRIADOR.!!!
Y.T. = O que a Torah diz e explana???
K.M. = O seguinte: Tem vários degraus e passos, nas orientações que a norteia e encaminha o rumo certo e correto.!!!
K.M. = O primeiro degrau: Ser honesto com a sua consciência e feelings, e não se iludir e não se enganar.!!!
Y.T. = Este degrau, em ser honesto e não se iludir, se referre a que.???
K.M. = Se referre a que caminho a pessoa quer seguir e qual rumo tomar na sua vida; que cada pessoa tem livre arbítrio, para escolher que tipo de vida ele quer; Ou escolher a vida de Grosseirismo e Atitudes Sujas e aguentar as consequências, como apresentamos antes; Ou escolher a vida de KEDUSHAH e Limpo e Honestidade, como apresentamos antes.!!!
Y.T. = Qual é o degrau seguinte.???
K.M = Em ser Submisso e Súdito ao CRIADOR DO UNIVERSO, Acima de qualquer Lógica e  Racional e Calculo, através de estudar a Torah escrita e oral e trazer os conceitos na pratica e cumprir as 613 Mitzvoth e ter orientação  de Autoridade Rabínica que já erradicou as atitudes e condutas de grosseirismo e sujas.!!!
Y.T. = Mas espera aí!!!  Estes dois degraus, principalmente o segundo degrau, precisa ter muita coragem e força de vontade, para trazer na pratica.??? Onde um judeu/judia vai conseguir e obter esta coragem e ânimo e bravura, para trazer na pratica.???
K.M. = A Coragem e Ânimo e Força de Vontade e Bravura, o Judeu/judia Conseguirá e Obterá com duas coisas: 1) Estudar e Refletir o Diariamente o Tanya Kadishah 2) Diariamente Refletir no Significado Simples das Palavras das Tefiloth (Rezas); e  Fazer Auto-Analise durante as Tefiloth (Rezas) se a sua conduta e atitude, se está compatível de acordo como o CRIADOR  Escreveu na Torah ou não, e tomar resolução em melhorar a conduta e a atitude.!!!
Y.T. = Começo a perceber, que na realidade e de fato, estes problemas, que chamamos, desvio de conduta e de normal e desvio de civilizado, não é ” patológico “, então, começo a indagar, porque os médicos e psicólogos e psiquiátricos, insistem em dizer que é patológico, quando a razão real é o “livre-Arbítrio ” o caminho que a pessoa escolheu.???
K.M. = Por causa, que estas pessoas, no seculo 19, escolheram o caminho de ” grosseirismo e conduta suja “; mas nas ultimas décadas, perceberam, superficialmente, que fizeram um grande erro, mas, ainda não admitem, que tem haver com o ” livre-arbítrio “.!!!
Y.T. = Agora entendo porque é difícil de ter paz, por causa que as pessoas são teimosas, que é a teimosia do ser humano.!!!
K.M. = Para terminar a conversa de hoje, quero expor,  o conteúdo do nosso dialogo, é a Jurisprudência da Mitzvah Proibitiva ” RIBIT ” “juros”.!!!
Y.T. = Explica mais, que despertou minha curiosidade.!!!
K.M. = A Mitzvah Proibitiva diz,:  O Conceito desta Mitzvah Proibitiva é: Não Abusar e não ser Oportunista quando ajudar o outro em dinheiro ou de outros meios que a ajuda não é com dinheiro; e que o investimento, é permitido somente quando, a pessoa que se esforça e se envolva diretamente no investimento, recebe mais, do que a outra pessoa, que não se envolve diretamente no esforço do investimento.!!!
Y.T. = Quer dizer, esta Mitzvah Probitiva de RIBIT, orienta e encaminha a ser civilizado e de paz, que, quando a outra pessoa, percebe que foi abusado e enrolado, fica irritado, e assim começa brigas e etc…
K.M. = Isso mesmo, aceitou em cheio!!! E desejo tudo de bom e Moshiach Já, e que A Tzedacah que tem, deve entregar diretamente no Rabinado do Rio de Janeiro, situado na R. Pompeu Loureiro Nº 40 – Copacabana.!!!
Rabinado do Rio de Janeiro
Rav Blumenfeld
Assunto: Dialogo entre dois judeus = K. M. e Y.T. = Nº 23

Shalom Uvrachah!!!

Y.T. = Aqui estamos mais uma vez, para ouvir os compromissos que temos com o CRIADOR e a SUA TORAH ESCRITA e ORAL.!!!
K.M. = Pois é!!! Assim é a vida, se encontramos, e sempre temos o que falar e dizer, assuntos e conceitos interessantes, com o objetivo de trazer na pratica.!!!
Y.T. = E isso aí!!! então qual assunto que vamos conversar desta vez???
K.M. = Na conversa passada, mencionamos sobre o compromisso que, cada judeu/judia tem com o Judaísmo autentico, que é a Torah escrita e oral, e trazer na pratica.!!!
K.M. = E também, permear a KEDUSHAH ( Santidade Divina ) do CRIADOR na vida pessoal, particular, familiar, na profissão no comércio e na vida social e comunitária.!!!
Y.T. = Foi um assunto e conceito novo e muito interessante, que discuti entre os meus amigos, e eles me pediram, que você, esclarecer com mais detalhes e amplo e profundidade, este assunto.!!!
K.M. = Vamos começar a explanar o assunto e desenvolver este conceito, nesta linha de raciocínio e a realidade.!!!
K. M. = Quando uma pessoa, tem dificuldade de movimentar e usar uma parte do corpo, você sabe como resolvem esta situação???
Y. T. = Quando tem este tipo de situação, se resolve com ” fisioterapia “, que exercitam e estimulam e animam a parte co corpo, por exemplo as mãos dedos e os pés, para se movimentar e circular o sangue.!!!
K.M. = Você já ponderou, porque, exercitando a parte do corpo, provoca o funcionamento normal dos pés das mãos e dos dedos???
Y. T. = Nunca refleti nem ponderei, que é uma falha, mas, você já ponderou???
K.M. = O raciocínio é o seguinte: Quando se faz o movimento, fisicamente da parte do corpo, em geral ou numa parte especifico, este ato provoca a revelação da capacidade e força de se movimentar e da circulação do sangue, que se emana da alma, e, que esta capacidade e força penetra e permeia no corpo físico em geral e na parte do corpo específico.!!!
Y.T. = É incrível, as coisas mais comum, no dia dia, as pessoas não prestam atenção como é o seu funcionamento e a maravilha do funcionamento.!!!
K.M. = Pois é!!! Assim é o ser humano, não dão atenção para as maravilhas que acontece o tempo todo, e em coisas tão simples e ordinário.!!!
K.M. = Este mesmo raciocínio, que tem na terapia física, o mesmo raciocínio tem quando o judeu/judia estuda a Torah escrita e oral e cumpre na pratica as 613 Mitzvoth, que é o conteúdo que consta na Torah e na Lei Judaica.!!!
Y.T. = O que provoca quando um judeu ou uma judia estuda a Torah e cumpri as Mitzvoth???
K.M. = O ser humano, precisa perceber que, de cada ação, e de cada ato, e de cada fala, e de cada pensamento, que a pessoa realiza faz e executa, tem e produz algum efeito e consequência, na própria pessoa e nas pessoas que tem contato,na sociedade e no mundo e no universo, que cria uma situação e história, que antes não tinha e não existia.!!!
Y.T. = Tem razão, que o ser humano não quer perceber e nem se preocupa com as consequências, mas, percebi algumas vezes, que realmente tem consequências, mais cedo ou mais tarde, e as vezes, as consequências são positivas e as vezes são negativas.!!!
Y.T. = Muitas vezes, tomei decisões, baseados no que ouvi ou no que vi, por acaso, anos atrás, estou dizendo isto, por perceber, que é uma realidade, que,tudo que se vê ou ouvir tem influência; Mas, me esclarece, como é, esta influência referente à Torah e Mitzvoth, e define o conceito de KEDUSHAH que é o oposto DE TUMAAH e KLIPAH.!!!
K.M. = O Conceito de KEDUSHAH ( Santidade e Pureza ), na pratica e no dia dia, se manifesta através, que o Espirito e físico e o sentimento, do ambiente que se encontra e as ações são Envolvido e Permeado, pelo o Reconhecimento e o Compromisso, que o CRIADOR É de fato o DONO e é o REI do todo universo e as criaturas e o próprio ser humano individualmente, e a ELE Prestará Contas Pelos seus atos e etc… !!!
Y.T. = De acordo com você clarificou o significado do conceito KEDUSHAH, e com se manifesta no dia dia, que a Revelação da KEDUSHAH ( a DIVINDADE e a SANTIDADE e a PUREZA ) e o ambiente e o envolvimento e a permeação da KEDUSHAH, depende exclusivamente, do comportamento e a conduta e a atitude do ser humano.!!!
K.M. = Me anima muito, vendo que, aos poucos você está absorvendo os    Conceitos da Torah.!!!
Y.T. = Mas, agora, você precisa clarificar, como se manifesta o Oposto da KEDUSHAH.!!!
K.M. = O oposto da KEDUSHAH, que é TUMAAH (Impureza e grosseirismo  e  Baixaria) e a CLIPAH ( Casca e superficialidade ), se manifesta através, e justamente o do contrário, que é, que o Espirito e Físico e o Sentimento, e o ambiente que se encontra e as ações, são Envolvido e Permeado Pelo Ego e Prepotente e Snobismo do Ser humano, e que não quer Reconhecer e Admitir, na Pratica, e quer esquecer, que o CRIADOR é o DONO e é o REI e a ELE vai ser forçado, em prestar contas pelos seus atos.!!!
Y.T. = De acordo que você clareou, como funciona o conceito e o efeito da terapia ” FISIOTERAPIA “, que Provoca a EMANAÇÂO das Capacidades e as Forças, que a Alma EMANA, provoca a dedução, que o mesmo é referente a Torah e as Mitzvoth; quando o judeu e a judia, estuda a Torah escrita e oral, e cumpri na pratica o seu conteúdo, que são as 613 Mitzvoth, Provoca a KEDUSHAH, na pessoa e no mundo; mas, se Chas Veshalom, o judeu e a judia, não estuda a Torah escrita e oral e não cumpre as Mitzvoth e faz o contrário das Mitzvoth, infelizmente, provoca a TUMAAH e a CLIPAH na pessoa e no mundo, que provoca caos e brigas intrigas e guerras.!!!
K.M. = Vejo que entendeu bem, e raciocina bem, e isto me anima, que o fato é, o espirito da pessoa e o ambiente que a pessoa se encontra, depende em qual direção e como é direcionado, as capacidades e as forças que emanam da Alma, que se manifesta da seguinte ordem: primeiro aparece o desejo e o prazer, e em seguida a mente reflete e pondera, este conceito do desejo e prazer,e em seguida entender os detalhes e nuances, em seguida conscientizar o conceito, e em seguida raciocina em como trazer na fala e na pratica e em realizar o conceito na ação e na pratica, e finalmente realiza o desejo e o prazer.!!!
Y.T. = O que entendi e percebi, quando o judeu e a judia, direciona estas capacidades e forças, e Preencher e Rechear com o conteúdo dos conceitos da Torah, escrita e oral, e o cumprimento das 613 Mitzvoth, provoca a KEDUSHA na pessoa e no mundo; e quando direciona estas capacidades e forças, e é preenchendo e recheado sem o conteúdo da Torah e as Mitzvoth , e preenchendo-o com o contrário da Torah e as Mitzvoth provoca, infelizmente,a TUMAAH e a CLIPAH na pessoa e no mundo e que consegue paz.!!!
Y.T. = Com clarificação que deu, começo a compreender e conscientizar, o que consta no Pircei Avot cap. 1, ” HAMAASE HU HAYCAR ” o principal é cumprir na pratica e na ação, o que a Torah e a Lei Judaica diz.!!!
K.M. = Você acertou em cheio!!! E bli neder, no próximo encontro, vamos continuar a nossa conversa.!!! Somente para lembrar, a Tzedacah, entregar pessoalmente no Rabinado do Rio de Janeiro, situado na R. Pompeu Loureiro Nº 40 – Copacabana, e tenha Shabat Shalom Umevorach e Chag Sameach e Moshiach Já.!!!
Rabinado do Rio de Janeiro
Rav Blumenfeld
Assunto: Dialogo entre dois judeus = K.M. e Y.T. = Nº 22

Shalom Uvrachah!!! 

Y.T. = Estamos aqui mais uma vez, para conversar sobre o Judaísmo, e saiba que, o nosso grupo, ficou muito animado nos assuntos que falamos, e o que entristece, que os nossos pais e professores e orientadores, não deram oportunidade de conhecer o Judaísmo Autentico, e o nosso compromisso que temos com o Judaísmo Autentico!!!
K.M. = Pois é, mas felizmente, nunca é tarde para aprender e saber e conhecer o nosso compromisso com o Judaísmo Autentico, e pratica-lo!!!
K.M. = Você tem algum assunto especifico, que quer esclarecer???
Y.T. = Claro que sim!!!
K. M. = Então diga!!!
Y.T. = Você comentou várias vezes, que a execução das Mitzvoth, estimula a ligação entre o judeu/judia e o CRIADOR; então, tem como compreender, executando as Mitzvoth do Shabat e Chaguim Tefiloth Berachoth e as outras Mitzvoth que tem haver com assuntos espirituais, estimula a união com o CRIADOR!!!
K.M. = Foi assim que comentamos e discutimos, e você compreendeu muito bem!!!
Y.T. = Mas me explica e elucida, como as Mitzvothe referente a vida mundana, que orienta e dita como deve ser a estrutura e as regras de compra e venda comércio e social e comunitário e família, estimula e provoca a união entre o judeu/judia e o CRIADOR???
Y.T. = Afinal de contas, a vida mundana é baseada no bom senso humano, é para viver humanamente, com bom senso e lógica na vida familiar na vida social e na vida comercial e comunitário, que aparentemente, não nada haver com o conceito e atitude de se unir e se ligar com o CRIADOR!!!
K.M. =  Pela aparência, você tem razão!!! Mas, tem duas questões, que você como os outros já tiveram, ou ainda tem!!!
Y.T. = E qual são estas duas questões e temas, que você quer abordar???
K.M. = Antes de tocar e abordar nas dua questões, temos um conceito geral, que cada ser humano tem direito de ter uma vida mundana normal, uma vida familiar uma vida social e uma vida comercial e comunitário, baseado na lógica e bom senso
Y.T. = E daí???
K.M. = E muito!!! Quando a vida pessoal comercial familiar e social e comunitário,  se baseia somente no racional no senso comum,abafando e não admite a verdade, que o CRIADOR Criou o mundo, que o  CRIADOR É o Dono do mundo, e que o CRIADOR controla o mundo, e que o CRIADOR Criou o mundo e as criaturas e as pessoas, para alcançar um objetivo, que o CRIADOR JÁ Definiu, perturba e desquilibra o ser humano!!!
Y.T. = Quando abafa e não admite, esta realidade e a verdade, provoca algum problema na vida mundana???
K.M. = Quando abafa esta verdade, e não quer admitir esta realidade, provoca e estimula grandes problemas e muita dor-de-cabeça e angustia, insegurança e depressão.!!!
Y.T. = Porque estimula esta situação, que você mencionou???
K.M. = Por causa que a pessoa acha, e diz para si mesmo o seguinte: Como o mundo não tem Dono, e não preciso prestar contas a ninguém pelos meus atos e meus pensamentos e atitudes, e a natureza se move sozinho, e como as pessoas não sabem o que penso e quais são as minhas intenção, então, posso fazer o que quero e ser impulsivo, sem se preocupar, se é certo ou errado, se é bom ou mal, e sem limite e sem nenhum tipo de freio, e só me preocupo em satisfazer o ego e as minhas ambições, e tem imenso prazer de fazer bulying.!!!
Y.T. = Você tem razão!!! Quando abafa a verdade e a realidade que explanou, estimulo esta maneira de pensar, que provoca e estimula o contrário de ter na pratica PAZ, e somente estimula e motiva a ter intrigas brigas e guerras e bulying na família no comercio no social e na comunidade, e ate entre países, e que nunca se alcança um mundo CIVILIZADO e PACÍFICO!!!  Conhecendo você, sei que vai expor a solução, para este abafamento, mas, antes disso me explica as duas questões, que mencionou antes!!!
K.M. = É o seguinte: Quando começa uma fase nova, na vida familiar comercial e social e comunitário, o ser humano sente muita animação e empolgação, mas a curto ou médio prazo, aparece o sentimento, que a vida é monótomo, então, começa aparecer dois atitudes, a conduta de depressão negativo, ou atitude de condutas errada ilegais e ilícitas para ter empolgação e estimulo, ou ser drogado.!!!
Y.T. = Analisando bem, a consequência de abafar a realidade e a verdade referente ao CRIADOR, que ELE controla o mundo e a ELE prestaremos contas dos nossos atos, e viver numa ilusão, que o mundo se movimenta por si mesmo, e que não tem limite em insuflar o ego  e as suas ambições e impulsos, você tem toda razão!!!
Y.T. = Mas não basta em apontar os problemas e as sua consequências!!! O Principal é mostrar apontar a Solução, e como Conseguir em Alcançar a Solução!!!
K.M. = Você tem toda razão com este argumento, que o Principal é apresentar a Solução e como trazer na Pratica a Solução. Mas, você é bastante inteligente, com uma mente bem aguçado e bom de raciocínio, na maneira como expliquei o problema e as suas consequências, já se encontra a Resposta em como Solucionar o Problema.!!!
Y.T. = Ainda não percebi a Solução, na explicação que você deu.!!! Mas, quero ressaltar, o ser humano que abafa a verdade e que vive numa ilusão, no assunto que você explanou, esta pessoa tem um problema psicológico muito grave e um conflito muito profundo, emocionalmente e mentalmente!!!
K.M. = A Solução é muito SIMPLES, se  abafou a verdade, a Solução é RECONHECER a VERDADE, se vive numa ilusão a Solução é VIVER na REALIDADE, que o CRIADOR é o DONO do mundo e que o CRIADOR CONTROLA o mundo e a ELE Prestaremos conta pelos nossos atos.!!! 
Y.T. = Como se faz na pratica esse Reconhecimento  e Viver na Realidade???
K.M. = Para poder trazer na Pratica, o CRIADOR deu a nós,A TORAH e os 613 MITZVOTH, para  PODER Reconhecer e Viver  com a Verdade e a Realidade a cada minuto e segundo e piscar dos olhos da nossa vida desde o nascimento ate toda a nossa existência, Revelando a Presença do CRIADOR em tudo que nós fazemos, na vida familiar comercial e social e comunitário, e Revelar a KEDUSHAH (Santidade Divina) em tudo que nós fazemos.!!!
Y.T. = Puxa!!! É muito profundo o que você explicou. Mas é muito óbvio, e quando se encontrar com os meus amigos, vai ter muitas coisas para analisar.!!!
K.M. = Tenha sucesso em tudo, e ate mais, e MOSHIACH JÀ!!!
O TZedacah entregar pessoalmente no Rabinado do Rio de Janeiro!
Rabinado do Rio de Janeiro
Rav Blumenfeld

 

Assunto: Dialogo entre dois judeus = K.M.e Y.T = Nº 21

Shalom UVrachah!!!

Y.T. = Discutimos com os meus amigos, sobre vários assuntos que encontramos no Talmud, e pediram em lhe esclarecer as dúvidas que temos, mas temos medo de perguntar, por causa que pessoas acham que é TABU.!!!

K.M. = Saiba! Que assuntos da Torah escrita e oral NUNCA É TABU, mas ao CONTRÁRIO É UM DEVER DE PERGUNTAR E ESCLARECER, para ENTENDER a TORAH.!!!

Y.T. = Me surpreende muito e fico feliz e agradeço muito, esta mente aberta que o Judaísmo tem, e que você não tem medo de enfrentar qualquer pergunta e dúvida,

mas, antes de expor nossas dúvidas, quero esclarecer um assunto, que você tocou no dialogo anterior.!!!

K.M. = Fique a vontade.!!!

Y.T. = No dialogo anterior disse, o judeu/judia que não estuda a Torah, escrita e oral, afinco e regularmente com um mestre, não tem Judaísmo; a pergunta é: por que tanta certeza, em dizer esta afirmação???

K.M. = Ora Bolas!!! Você é bastante esperto e inteligente, para entender esta afirmação; Se não estuda, como é que vai saber como praticar o Judaísmo e viver de acordo e baseado na Torah escrita e oral.!!!???

Y.T. = Você tem razão!!! É uma pergunta MUITA BOBA,.!!! Mas, tenho uma outra pergunta: Você afirmou, Que cada judeu/judia tem compromisso em estudar a Torah escrita e oral e viver de acordo e baseado nas Leis Judaicas, a pergunta é: quando foi realizado este compromisso???

K.M. = O COMPROMISSO FOI REALIZADO NO EPISÓDIO DO MONTE-SINAI, e também, NO MOMENTO QUE NASCEU

Y.T. = Agradeço muito em esclarecer estas duas perguntas, agora voltemos ao nossa conversa, no Talmud, baseado nos versículos da Torah, fala sobre dois tipos de Menstruação na Mulher, gostaria que você clear sobre assunto, por que tem dois tipos de ” menstruação “???

Y.T. = E também percebemos, que as Leis referente de menstruação, para ter a possibilidade de comer as oferendas é mais rigoroso, do que em ter a possibilidade de ter relação sexual com o marido, porque está diferença, quando sabemos que a proibição é igual???

K.M. = Antes de explanar este assunto, quero dar uma pequena introdução!!!

Y.T. = Qual é esta introdução???

K.M. = Normalmente quando usamos palavras e expressões, temos o cuidado em não usar palavras e expressões groseiras e o que consideram de pornô, mas,quando precisamos explanar assuntos de Torah, para que o ouvinte e o estudante não distorcem o conceito e o assunto, e para não desvirtuar o tema e o conceito, precisamos  expressar com clareza, até mesmo com palavras de grosseirismo e expressão de pornô.!!!

Y.T. = Você tem razão, que precisamos, as vezes palavras de grosseirismo, para não ter mal-entendido, mas o que me surpreende é que na Toarah e nas Leis Judaicas, no seu vocabulário, não existe o conceito ” tabu “!!!

K.M. = Na verdade a Torah ( Lei de Moisés Vaycrah  {Livitcus] cap. 15 versículo 19 e adiante) não usa a expressão ” menstruação “; a Toarh usa a expressão ” Jorrar Esguicho e Expelir “; que do corpo dela jorrou e esguichou o sangue, o corpo dela expeliu o sangue.!!!

Y.T. = Estou vendo, que o tema vai ficar bem atraente, por perceber que a Torah aborda o assunto, com uma visão bem ampla, que ate a ciência ainda não percebeu.!!!

K.M. = Estou vendo, que está raciocinando bem a sua mente!!! Mas vamos continuar; Este trecho da Torah, e o Talmud entra em detalhes, ampla e profundo, se refere somente ao sangue que é expelido e esguichado pelos orgãos genitais e através da vagina; sangue que é expelido de outras partes do corpo, não tem nada haver com este trecho da Torah.!!!

Y.T. = Então porque é mencionado dois tipos de jorro de sangue???

K.M. = A Torah ensina, que o sangue que é expelido, em referente a este trecho, tem várias fases e períodos e tipos de sangue, que é jorrado do mesmo lugar!!!

Y.T. = Isto é uma grande novidade!!! E tem como verificar a diferenças de tipos e fases???

K.M. = Hoje em dia, e nos últimos 15 seculos, quase ninguém tem a possibilidade de verificar a diferença!!!

Y.T. = Quais são estas fase e períodos???

K.M. = São os seguintes: Dam Besulim ( o jorro do sangue na primeira relação sexual), Dam Himud ( o esguicho consequente de desejo sexual muito forte, ou de ter uma relação sexual muito forte e intenso); Dam Nidah ( a mestruação em si pela natureza); Dam Zivah Cuetanah ( Jorro do sangue de um ou dois dias) Dam Zivah Guedolah ( Esguicho do sangue de três dias) Dam Cochi ( Jorro do sangue durante o Parto ) Dam Yemei Tohar ( esguicho do sangue após o parto durante quarenta ou oitenta dias).!!!

Y.T. = Que diferença faz, que período é, na pratica???

K.M. = Faz sim diferença, e muito!!! Precisa saber, qual período é considerada TAHOR ( Pura) para poder ter relação sexual com o marido e poder consumir as Oferendas e entrar no Beit Hamicdash; e qual período é considerada TMEIAH (Impura), proibida de ter relação sexual com o marido e consumir as Oferendas e entrar no Beit Hamicdash.!!!

K.M. = E mais um detalhe de muita importância, que as vezes são dois períodos junto na mesma época.!!!

Y.T. = Mas é muito complicado este assunto em fazer os cálculos.!!!

K.M. = Claro que é muito complicado, por esta razão, o Talmud introduziu um calculo simplificado, para não errar!!!

Y.T. = E como é este CALCULO SIMPLIFICADO???

K.M. = Antes de explicar o Calculo Simplificado, quero deixar bem claro, estou expondo o assunto, para você e teus amigos tenham uma noção geral;  Mas, na pratica, precisa ter a orientação da Autoridade Rabínica, da sua Comunidade !!!

K.M. = Antes do casamento, a moça anota os dias de menstruação, de alguns meses que teve antes do casamento, e pede ao pai ou a uma pessoa íntima, para mostrar ao Autoridade Rabínica, e baseado nesses cálculos, se decide o dia do casamento.!!!

Y.T. = O assunto está sendo bem interessante!!!   Vendo, que no Judaísmo, a preparação ao casamento é bem diferente do que o normal, na vida mundana. Mas, espero que depois, me explica porque a Torah se preocupa tanto com o Jorro do sangue da Mulher.!!!

K.M. = Claro que tem explicação!!!  Na Torah tem explicação para tudo, bli neder, mais adiante terá a explicação!!!

Y.T. = Após o casamento, a Autoridade Rabínica instrui uma orientação???

K.M. = Mas é claro que instrui uma orientação!!!  Orienta quais os dias e as datas que é proibido de ter relação sexuais com o marido, e quando melhor não ter contato físico com o marido, com o objetivo de não cair na tentação; E qualquer jorro de liquido que sai do lugar íntimo, que não seja a cor branca, ou esguicho ou mancha, que não seja a cor branca,na roupa íntima ou nas roupas da cama, pedir ao marido, para mostrar ao Autoridade Rabínica, se é considerado sangue ou não.!!!

Y.T.= E como a Autoridade Rabínica verifica??? Será que ele tem algum instrumento especial???

K.M. = A Autoridade Rabínica verifica ao olho nu, em contato visual, sem nenhum instrumento, e o Mestre dele, mostrou e ensinou-o, como reconhecer, somente olhando normalmente, e somente verificar durante o dia.!!!

Y.T. = Você ainda me deve, em expor a razão, porque estas Leis é menos rigoroso referente em ter relação sexuais com o marido, e é mais rigoroso, em referente ao consumo das oferendas ou entrar no Beit Hamicdash???

K.M. = É menos rigoroso, por causa que é uma GRANDE e IMPORTANTE MITZVAH ( Mandamento Divino) DE TER BIOLOGICAMENTE QUANTO MAIS FILHOS E FILHAS, para incentivar em ter quanto mais, a relação sexuais entre o marido e a esposa, por isso é menos rigoroso, aTorah condena totalmente, qualquer tipo ou método de ” anticoncepcional ou planejamento familiar ou camisinhas”, ao não ser em caso de vida ou morte, que, quase que não existe.!!!   

Y.T. = Agora, falta em expor a razão, porque a Torah se preocupa tanto com o “jorro do sangue”???

K.M. = Umas das consequências do pecado que Chavah ( Eva) em que comeu da “fruta proibida”, foi, em induzir coisas negativas e impurezas, físicas e espirituais,nos descendentes, e estas Leis Judaicas, que constam na Torah, Purifica a pessoa destas coisas negativas e as impurezas. Mas, quando Moshiach chegar, que será em breve, vai ser banido totalmente , estas coisa negativas e impurezas,e não precisará em ter estes cuidados, para ter relação sexuais com o marido,  Somente precisará em ter estes cuidados, quando consumir as oferendas e entrar no Beit Hamicdash.!!!

Y.T. = Puxa!!! Gostei muito, e até a proxima!!!

K.M. = Bli neder, e Moshiach Já!!!

A TZEDACAH ( donativos) ao Rabinado do Rio de Janeiro, deve ser entregue somente na sua sede, que situa na R. Pompeu Loureiro Nº 40 – Copacabana, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Tudo de Bom e Sucesso e Felicidade

Rav Blumenfeld

Assunto: Dialogo entre dois judeus = K.M. e Y.T. = Nº 20

Shalom Uvrachah!!!

Y.T. = O Nosso grupo quer fazer perguntas sobre assuntos do Talmud ( Guemarah), Podemos perguntar???

K.M. = Claro que pode!!! Respondo somente quando é para atender a curiosidade e o interesse, e não, chas veshalom, por desprezo e gozação.!!!

Y.T. = Percebemos no Talmud, a assunto ” AVEIDA MEDAAT VEAIVEDA EINO MEDAAT ” e tambèm o assunto ” YEUSH MEDAAT VYEUSH EINO MEDAAT “

K.M. = O que te incomoda para você sobre este assunto e conceito???

Y.T. = Me incomoda e provoca curiosidade que, ” AVEIDA ” significa PERDA,então, que diferença faz, se é de conhecimento dele, ou não do conhecimento dele, se ele perdeu ou não a coisa.!!!

Y.T. = E o mesmo com o conceito ” YEUSH “, que significa DESISTIR,que diferença faz, se é de conhecimento dele, se desistiu conscientemente ou não.!!!

K.M. = Parabéns por analisar bem o assunto, e bli neder, vou tentar expor assunto e o conceito, para ser bem entendido.!!!

K.M. = Qualquer coisa, que a pessoa adquiri, que adquiriu licitamente e honestamente, a coisa faz parte e esta ligado a sua essência

Y.T. = Um minuto!!! Antes de continuar em expor o assunto, me explica, por curiosidade, porque insiste ” que adquiriu licitamente e honestamente ” ??? Que diferença faz???

K.M. = Muito bem!!! Bravo!!! Gostei muito, que você esta usando a sua mente e raciocinando e aguçando sua mente!!!

K.M. = Quando o ser-humano adquiri algo, ilicitamente e desonestamente, então é impossível ser parte dele, e consequentemente o CRIADOR Vai provocar situações, que ele, a pessoa, vai ser forçado em se desfazer do que adquiriu ilicitamente e desonestamente, e voltará ao seu legítimo dono!!!

Y.T. = É muito interessante e muito profundo este conceito, e que nada se escapa do CRIADOR, mas, continua a tua explicação!!!

K.M. = Pois bem!!!  Quando a pessoa adquiri uma coisa, então esta coisa faz parte da sua essência, e como é impossível se desfazer da sua essência e do sue íntimo, então é impossível de se desfazer das coisas que adquiriu legalmente licitamente e honestamente

Y.T = O que você esta explicando, a coisa que a pessoa adquiri, faz parte da sua essência e do seu íntimo, que é impossível se desfazer, então pergunto, porque existe na Torah a noção e o conceito de Compra-venda-presentes-transações e etc…; nos negócios e na economia???

K.M. = Na Torah, tem coisas que não tem como se desfazer, e tem coisas que pode se desfazer, quando o negócio foi feito legalmente e licito, de acordo com a Lei Judaica, e as vezes também através de deixar de se considerar que não é dono da coisa ou as vezes através de perda da coisa, conforme as diretrizes das Leis Judaicas!

Y.T. = Então, conforme como você esta expondo o assunto, que as vezes o ” AVEIDA ou YEUSH, que mencionamos antes, não é realmente PERDA ou que DESISTIU, e as vezes é sim um FATO REAL!!!

K.M. = Vejo que você prestou muito bem a atenção!!!

Y.T. = Mas como vai saber, se ” Não é Realmente ” ou ” É Sim um Fato Real “???

K.M. = Você precisa reconhecer que, cada ato que o ser-humano faz durante a sua vida, cada compra-venda-adquisição e etc…  precisa ter dois ingredientes 1)  INTENÇÃO DE FAZER;  2) A AÇÃO CORRETA QUE LEGITIMA O FATO E A INTENÇÃO; se falta um dos ingredientes, a compra e etc. não tem validade, e o mesmo se refere a qualquer ação durante a vida da pessoa; e a Torah e as Leis Judaicas mostra os meios, de como saber, se teve os dois ingredientes ou não!!!

Y.T. = Mas tudo isto, me despertou uma curiosidade!!!

K.M. = Qual é???

Y.T. = O Judaísmo é uma vida, que dedica diariamente em Servir ao CRIADOR, que é realizado e feito, através em estudar a Torah escrita e oral, e cumprir na pratica os conceitos da Torah, que são as 613 Mitzvoth e as Leis e Costumes Judaicos,  Então, o que tem haver estes assuntos de coisas, compra e venda, perder e desistir e etc…; com a Judaísmo e em servir ao CRIADOR???  Afinal são assuntos mundanas para sobreviver fisicamente???

K.M. =  Boa pergunta!!! Vou lhe transmitir uma novidade, que é fundamental, a noção e o conceito de ” Coisa e Compra e Venda e etc… ”  e AQUISIÇÃO  se       refere não somente ao físico material, mas, os mesmos conceitos existem no ” MORAL e ESPIRITUAL “!!!

Y.T. = Pois é, é uma grande novidade, que estes conceitos existem no MORAL e ESPIRITUAL, então, explana como é!!!

K.M. =  Como no físico, tem uma grande variedade de coisa e várias maneiras de realizar comercio e compra e venda e etc…!!!   Na esfera MORAL e ESPIRITUAL; se refere ao VARIEDADES de CONCEITOS e SENTIMENTOS que PROVOCAM AS AÇÕES; Cada Conceito Individual Provoca Um Sentimento que Provoca Uma Ação.!!!

Y.T. = Nunca percebi!!! Mas agora que você tocou no assunto, tem razão, a pessoa pensa num conceito ou assunto, que provoca um sentimento de se aproximar de gostar e de amar;  ou provoca um sentimento de se afastar de odiar de e de ter medo, que provoca de como agir na pratica!!!

K.M. = E o mesmo é com o Judaísmo, primeiro o judeu/judia estuda a Torah, escrita e oral, para entender a jurisprudência  de cada dos 613 Mitzvoth, que provoca o sentimento  de se aproximar e de amar o CRIADOR, e de Servir ao CRIADOR, e de aflorar o compromisso que cada judeu/judia se comprometeu no Monte-Sinai em estudar a Torah escrita e oral e cumprir as 613 Mitzvoth e as Leis e os Costumes Judaicos, e ao mesmo tempo, provoca um sentimento de ter medo e de ter vergonha de contrariar o compromisso que se comprometeu no Monte-Sinai, em estudar a Torah e cumprir as 613 Mitzvoth e as Leis Judaicas; que provoca em agir e ter uma conduta no dia dia, baseado na Torah e as Leis Judaicas!!!

Y.T. = Agora entendo porque tem tanto judeus/judias, que se afastaram do Judaísmo, por causa que, se não estudam a Torah escrita e oral, simplesmente ,chas veshalom, não tem Judaísmo; e para ter o Judaísmo, precisa diárimente estudar a Torah escrita e oral com afinco!!!

K.M. = Parabéns que você entendeu bem e profundo, Mas quero deixar bem claro, que a unica coisa que o judeu/judia,não tem como se desfazer, é, que é judeu/judia e o compromisso que se comprometeu no Monte-Sinai, em estudar a Torah e cumprir as Mitzvoth e as Leis Judaicas, e bli neder, vamos se encontrar  no próximo dialogo, e que seja a Vinda do Moshiach Já.!!!

Rabinado do Rio de Janeiro

Rav Blumenfeld

Dialogo entre dois judeus = K.M. e Y.T. = Nº 19

Shalom Uvrachah!!!

Y.T. = Estudando sozinho o Talmud ( Guemarah) com os meus amigos,encontramos a seguinte passagem e conceito: YESH BREIRRA O EIN BREIRRA.!!!

K.M. = Sim!!! NoTalmud fala muito sobre este conceito, com profundidade; e é um assunto muito bem dissecado e interessante.!!!

Y.T. = Aparentemente é um assunto absurdo e ridículo, que a tradução da palavra BREIRRA é OPÇÃO DE ESCOLHER, e cada pessoa tem a liberdade total de optar e escolher, então, porque tanta discussão???

K.M. = Ai que está!!! Você errou na tradução!!!

Y.T. = Como assim???

K.M. = Você traduziu de acordo com o hebraico moderno, que está acostumado; que a linguagem do hebraico moderno, é uma linguagem distinta e completamente diferente da linguagem da Torah escrita e oral e da linguagem do Talmud!!!

K.M. = A língua e a linguagem hebraica moderna, é influiênciada quase e totalmente, pelas outras línguas do mundo, desviando-se da do HEBRAICO SAGRADO, que é o HEBRAICO ORIGINAL!!!

Y.T. = Então, por isso, quando se usa a língua hebraica moderna, quando estuda sozinho a Torah escrita e oral, sem um mestre, entende patavina, se entende tudo errado!!!

K.M. = Acertou em cheio.!!!

Y.T. = Então, me explica o significado correto do ” YESH BREIRRA OU EIN BREIRRA, que o Talmud discute.!!!

K.M. = É o seguinte, mas presta bem atenção, por causa que, a maioria das pessoas não prestam a devidamente aos nuances.!!!

K.M. = O papagaio fala e o ser humano fala, você acha que tem uma diferença distinta entre a fala de um papagaio e a fala de um ser humano, ou você acha, que a fala dos dois são iguais???

Y.T. = Interessante esta inquirição, na verdade nunca me preocupei em analisar nesse sentido, por levar tudo superficialmente, que é uma grande defeito e falha nossa, mas agora despertou em nós a curiosidade, então, qual é a resposta!!!

K.M. = Prestando bem atenção, O papagaio sempre repete as mesmas palavras e som, e nunca renova e não cria, e produz nada de novo nas palavras; Mas no ser humano, vemos sempre, renovação e criatividade, que produz e inventa palavras e som e coisas novas.!!!

Y.T. = Agora que tocou e abrangeu este fato e a realidade, percebo e enxergo, que o papagaio sempre repete as mesmas palavras, e nunca renova ou aumenta as palavras e o som e as ações e o jeito, e o mesmo é com qualquer animal e ave e peixe; Mas no ser humano sempre tem criatividade renovação e originalidade nas palavras nas ações e no jeito e no som; Então , você despertou em mim a curiosidade, em saber porque esta diferença???

K.M. = O papagaio ou qualquer outro animal ave e peixe, não são ciente do que fazem e falam, eles não tem consciência e Não tem Alma para ser ciente do que fazem e falam e das ações, eles são somente domados e domesticados e acostumados, para certas falas e ações, que limitam as ações e falas, por tanto não são criativos e não são renovadores.!!!

Y.T. = E como é no ser humano???

K.M. = O Ser Humano Tem Alma, a alma tem Capacidades e forças ILIMITADO, por tanto o ser humano é criativo e renovação e originalidade, O ser humano, consequentemente tem consciência e é ciente do que faz e do que fala e das suas ações; E o corpo humano, é SOMENTE um VEICULO para CANALIZAR as capacidades e forças que a Alma tem e QUER Extravasar com Abundancia as suas forças e capacidades, através, do pensamento fala e ações, as Sua Criatividades Forças e Capacidades.!!!

Y.T. = A tua explanação, é muito compreensível e muito emotivo, mas, o que este dialogo, tem haver com o assunto de YESH BREIRRAH OU EIN BREIRRAH???

K.M. = Claro que tem!!! E é fundamental no ritmo da vida de cada um!!!

Y.T. = Por favor, clarifica o assunto, para conceber com clareza!!!

K.M. = É o seguinte: Este conceito, que somente a Alma do ser humano tem a Capacidade e Forças e Criatividade ILIMITADO, como é explanado e clarificado na Torah e Talmud, dê a nós, uma visão clara e realista, que a fala e o pensamento e a ação do ser humano, nunca é por acaso ou sem-querer, a pessoa, ele/ela, sempre é CIENTE do que esta pensando do que esta falando e do que esta fazendo; e por que está ciente??? Por causa, que é a Alma que está pensando é a Alma que está falando e é a Alma que esta fazendo, a Alma e a Consciência é o que chamamos e denominamos a CRIATURA QUE CHAMAMOS DE SER HUMANO, e a MENTE e o CORPO FÍSICO NÃO É O QUE CHAMAMOS DE SER HUMANO, a MENTE e o CORPO FÍSICO SÃO SOMENTE CANAIS E VEÍCULOS, PARA REVELAR AS CAPACIDADES DA ALMA, QUE É O SE R HUMANO.!!! E o que a Alma e a Consciência REALMENTE QUER.!!!

Y.T. = MAS, É quase impossível de saber com clareza, o que se passa no íntimo e na consciência da pessoa, e qual é a verdadeira intensão do ser humano.!!!

K.M. = Tem razão!!! Mas a Torah o Talmud e as Leis Judaicas, dá para nós, devidos instrumentos, que é aplicável em várias Leis Judaicas, para esclarecer e clarificar e reconhecer, qual é a verdadeira intensão da pessoa, se É JUDAICA OU SECULAR, SE É POSITIVO OU NEGATIVO, SE É MÁ-FÉ OU IGNORÂNCIA, SE É VERDADEIRA OU NÃO, SE ESTÁ BLEFANDO OU NÃO, SE O COMPROMISSO COM O ESTUDO DA TORAH ESCRITA E ORAL E O CUMPRIMENTO DAS MITZVOTH É INTEGRO E SINCERO OU SE O COMPROMISSO É SOMENTE QUANDO É CONVENIENTE E CONVÊM AO SEUS INTERESSES e um desses INSTRUMENTOS é o conceito YESH BREIRRA OU EIN BREIRRA!!!

Y.T. =É bem Atraente e curioso este conceito da Torah e do Talmud, e desperta muito, na minha pessoa e nos meus amigos, a vontade intensa de estudar a Torah e estudar e viver de acordo com as Leis Judaicas.!!!

K.M. = Parabém pelo progresso de vocês, e ate o próximo dialogo e Moshiach Já.!!!

Rabinado do Rio de Janeiro Rav Blumenfeld

Dialogo entre dois judeus K.M. e Y.T. = Nº 18

Shalom UVrachah!!!

Y.T. = Olá tudo bem!!! Vamos continuar com os nossos dialogo!!! E com a tua permissão, como hoje tem tradução  e informação na internet e rede sociais, sobre a Torah escrita e oral e as Leis judaicas;  Então, gostaria de apresentar assuntos, que a minha pessoa e os meus amigos vimos, e que gostaríamos que você explicar, estes conceitos, de acordo com aTorah!!!

K.M. = Assim é melhor em transmitir os conceitos da Torah, quando vocês apresentam um assunto!!! Então, qual é o assunto que querem saber no momento???

Y.T. = Numa das passagem no Talmud, que chamou atenção, a Mitzvah de ” Encaminhar o Corban ( o animal ou a ave permitido pela Torah)  e ser Sacrificado no BEITH HAMIKDASH ( o Templo em Yerushalaym) com o Objetivo e Propósito de ser Visto pelo CRIADOR e Ver o CRIADOR,  e esta Mitzvah somente é cumprido quando o judeu/judia possuí um terreno “; me explica, o que significa ” ser Visto e Ver e porque somente quem possuí um terreno, e qual é o efeito do Corban, E hoje que ainda, infelizmente não temos o Beith HAMicdash, que será construído em breve pelo Moshiach, Amen, esta Mitzvah como é realizado hoje em dia???

K.M. = Vou te explanar, bli neder, por etapas; A palavra MITZVAH, vem da palavra TZAVTA, que significa UNIR DUAS COISA, como o utensílio ”  alicate “; cumprido a MITZVAH que o CRIADOR ESCREVEU NA TORAH ESCRITA  e ORAL e nas LEIS JUDAICAS, CUMPRINDO DEVIDAMENTE, ele/ela une com o CRIADOR, provocando ser VISTO PELO CRIADOR, que o CRIADOR DÁ ATENÇÃO ESPECIAL e PREFERÊNCIAL a ele/ela; e VER o CRIADOR, significa, que ele/ela VISUALIZAM INTELECTUALMENTE e SENTIMENTALMENTE no seu íntimo a DIVINDADE e a LUZ DIVINA!!!

Y.T. = Porque e como as MITZVOTH provoca esta UNIÃO e a LUZ DIVINA???

K.M. = É como na sociedade, quando faz a vontade e o desejo, o que o outro pede, as duas pessoas criam uma união entre si, não é assim??? E o mesmo efeito tem, quando se cumpre as MITZVOTH, que é o DESEJO e a VONTADE DO CRIADOR!!!

Y.T. = Esse conceito, que a Mitzvah efetiza a união entre o CRIADOR e o judeu/judia, entendo perfeitamente;  mas, o que isto tem haver” em ter um terreno, um pedaço de terra???

K.M. = Primeiramente, quero explicar que, nesta Mitzvah, o conceito ” terreno ” se refere a: 1) terreno fisicamente 2) ao judeu/judia em si 3) ao ” MUNDO VIDOURO ” a Era do Moshiach e a Era de TECHIYAT HAMEITIM (  a epoca do Moshiach e a epoca da Ressureição dos Mortos)!!!

Y. T. = Tem como  ser mais explicito neste assunto e conceito???

K.M. = Claro que tem!!! Vou tentar o melhor possível!!!  O TERRENO FÍSICO, a pessoa labuta nela, com muito prazer e energia e coragem e muita vontade, para florar nela os benefícios e os produtos, com objetivo de alcançar coisas prazerosas e deliciosas!!!

Y.T. = E como é em referente ao JUDEU/JUDIA EM SI!!!

K.M. = Esta sendo bem entrosado no assunto,Hein !!!

Y.T. = Humm!!! é um assunto muito quente!!! Quero ouvir a explicação!!!

K.M. = De acordo com a quantidade e a qualidade, em estudar a Torah escrita e oral e ao mesmo tempo, cumprir na pratica as Mitzvoth, o judeu/judia planta na sua consciência o compromisso com os conceitos da Torah escrita e oral, os conceitos das Mitzvoth, plantando semeando e cultivando, e se comprometendo e a se empenhar, estes conceitos, no seu intelecto no seu sentimento, na fale no pensamento e na ação!!!

Y.T. = E qual são os produtos e benefícios, que crescem  e prosperam, desta plantação e cultivação???

K.M. = O benefício e o produto será, que, ele/ela se LIGAM UMA LIGAÇÃO ÍNTIMO COM O CRIADOR, SE ENVOLVENDO COM A  DELICIA E PRAZER DA KEDUSHAH ( A LUZ DIVINA), e se ANULANDO e se ELEVANDO do SEU GROSSEIRISMO e VULGAR e MATERIALISMO!!!

Y.T. = E como é esta cultivação e plantação no OLAM HABAH ( NO MUNDO VINDOURO) na ERA DO MOSHIACH E DO TECHIYATHAMEITIM, QUE SERÁ NESTE MUNDO FÍSICO???

K.M = A KEDUSHAH E O PRAZER SERÁ NUM NÍVEL, BEM AIS ELEVADO, QUE HOJE ATUALMENTE, NENHUM SER HUMANO CONSEGUE IMAGINAR!!!

Y.T. = Como é alcançado este efeito, quando sacrificam no MIZBEACH (Altar) o CORBAN??? E é alcançado este efeito hoje em dia???

K.M. = No CORBAN, o processo é o seguinte:  O SHECHITAH ( Abate) ESPERGIR  O SANGUE NO MIZBEACH E QUEIMAR O CEBO NO MIZBEAH!!!

Y.T. = Estas três fases tem algum significado ???

K.M. = Claro que tem!!! A SHECHITAH se refere que ELE/ELA precisam conceber o conceito de se ELEVAR e se UNIR AO CRIADOR e se COMPROMISSAR e se ENVOLVER COM A KEDUSHAH  ( LUZ DIVINA)!!!

K.M. =  O ESPERGIR O SANGUE NO MIZBEACH se refere, que ELE/ELA precisam conceber o conceito DE TER O COMPROMISSO e a RESPONSABILIDADE em ESTUDAR A TORAH ESCRITA e ORAL e o CUMPRIMENTO DAS 613 MITZVOTH , COM ENTUSIASMO E ENTROSAMENTO TOTAL!!!

K.M. = E A QUEIMA  DO CEBO NO MIZBEACH, se refere, que ELE/ELA precisam conceber o conceito DE TER O COMPROMISSO E RESPONSABILIDADE  em ESTUDAR A TORAH ESCRITA e ORAL e o CUMPRIMENTO DA 613 MITZVOTH, COM PRAZER E DELEITE!!!

 

Y.T. – Você ainda não explicou como é hoje em dia!!!

K.M. = Hoje em dia, TEM o REFLEXO DESTAS TRÊS FASES, NAS TRÊS TEFILOTH, PRINCIPALMENTE QUANDO FAZEM AS TEFILOTH NO BEIT HACNESET/BEIT HAMIDRASH, (NA SINAGOGA); AS TRÊS TEFILOTH sâo: SHACAHRIT ( REZA DA MANHÃ) MINCHAH ( A REZA DA TARDE) e o ARVIT ( A REZA DA NOITE) !!!

Y.T. = Incetiva muito, o que você expôs esta Mitzvah e conceito, em se entrosar com o Judaísmo, e vou discutir com os meus amigos, em começar a praticar, e até o próximo dialogo!!!

K.M. = Pois é!!! Vamos, bli neder, continuar com o nosso dialogo, que me alegra e dá animo em obter um FEEDBACK; e Shabat Shalom e Chanucah Smeach e Moshiach Já!!!

Rabinado do Rio de Janeiro

Rav Blumenfeld